As oportunidades escondidas nos investimentos imobiliários

18/10/2021

As oportunidades escondidas nos investimentos imobiliários

Mulher mexendo no celular em frente ao seu notebook fazendo investimentos imobiliários

Ter acesso à educação financeira é fundamental para fazer bons investimentos financeiros e essa lógica também é válida para o mercado de investimentos imobiliários. Nesse contexto, o conhecimento desse segmento, tanto em âmbito regional quanto global, é muito importante.

Para escolher um bom investimento, é muito importante estar atento aos seus objetivos de vida e desenvolver estratégias que favoreçam o alcance das suas metas.

Os investimentos imobiliários têm uma ótima tendência para o futuro, com bons índices sociais e econômicos. Isso porque, a realização de políticas econômicas para tentar combater os impactos da pandemia auxiliaram no crescimento do mercado imobiliário, podendo até experimentar um período de super oferta.

Pensando nisso, antes que você inicie a leitura deste artigo, convidamos a conhecer o nosso e-book “Como aumentar o patrimônio investindo em imóveis”. Neste material, unimos a experiência de duas grandes empresas, a SOMMA Investimentos e a DIMAS Construções. A combinação perfeita e equilibrada, para lhe proporcionar um conteúdo rico e indispensável às famílias investidoras

Banner para ebook Como Aumentar Patrimônio investindo em imóveis

Imagino que esteja interessado em saber mais sobre o tema. Por isso, neste artigo, vamos explicar sobre investimentos em imóveis e fundos de investimentos imobiliários. Além disso, destacamos também, algumas considerações que você deve ter atenção, antes de fazer investimentos em imóveis. Boa leitura!

Investimentos imobiliários em patrimônio físico

Investir em imóveis é bastante conhecido pela população em geral e faz referência ao ato de comprar o patrimônio físico. Em algumas situações, a pessoa apenas deseja morar no local. Em outras, pode optar por alugar por períodos longos, por diárias ou mesmo, vendê-lo. Nesse último caso, o investidor espera que o ativo valorize, para que ele possa ter lucro com a operação.

Foto de casas em miniatura em cima de alguns papéis e mão masculina segurando uma delasImagem: banco de imagens Canva

Investir em imóveis é uma ótima ideia para compor a sua carteira. Para assegurar o sucesso da estratégia é fundamental levar os seguintes fatores em consideração:

  • Localização: imóveis em regiões centrais ou em bairros tradicionais tendem a ter menor potencial de valorização. No entanto, apresentam maiores rentabilidades e baixa vacância. Essa questão ocorre porque imóveis bem localizados estão próximos a diferentes linhas de ônibus e estabelecimentos comerciais, ou seja, proporcionam praticidade e segurança;
  • Histórico do preço do imóvel: ao verificar essa informação torna-se possível saber se você está pagando muito ou pouco pela aquisição do bem; 
  • Tipo do imóvel: existem diversos tipos e cada um apresenta características diversas. Há, por exemplo, imóveis comerciais, residenciais, rurais, apartamento, terreno com potencial de valorização, entre tantas outras possibilidades; 
  • Condições de pagamento: é importante conhecer as condições de pagamento para verificar se é mais vantajoso financiar ou mesmo pagar à vista;
  • Situação do imóvel: nesse momento, é importante verificar se ele está em fase de construção, finalizado, em planta ou se é usado.
  • Documentação: é importante verificar a documentação do imóvel para analisar se não há débitos ou pendências anteriores. 
  • Ajuda profissional: contar com profissionais especializados no assunto é fundamental. Isso porque, eles entendem sobre o comportamento do mercado imobiliário, sabem o contexto atual e as principais tendências para o futuro. Todo esse conhecimento ajuda a tomar decisões assertivas.

A Lidderar, o braço imobiliário do GRUPO SOMMA, por exemplo, é uma gestora especializada em trazer valorização e rentabilidade aos seus clientes por meio da inovação aberta. A empresa realiza um estudo de mercado e suas nuances conforme o momento vivido, para sempre buscar o melhor negócio. 

Ciclos do mercado imobiliário

O mercado imobiliário funciona de maneira cíclica. Desse modo, ele segue algumas fases nas quais apresentaremos logo abaixo.

Recessão

Geralmente inicia com o momento da oferta e o baixo crescimento da demanda. Essas fases têm de ser lentas e podem durar entre 3 e 10 anos. Nesse período costuma ser mais seguro comprar um prédio pronto do que construir um novo.

Não há um prazo fixo para a recuperação, pois pode variar conforme as condições econômicas. O nível de desempenho no país, a disponibilidade do crédito imobiliário, os juros, entre outros fatores, podem influenciar nisso. 

Recuperação

Nesse momento, a vacância começa a diminuir e o excesso de espaço começa a ser absorvido. Além disso, o valor dos aluguéis tende a aumentar, no entanto, a elevação dos valores é inferior aos índices inflacionários.

Expansão

Essa fase se caracteriza pelo crescimento da demanda, diminuição das vacâncias e rápido aumento do preço dos aluguéis. Esse cenário favorece novas construções. Inclusive, pode haver falta da oferta de novos espaços, pois a demanda cresce mais rápido do que a oferta.

Super oferta

Nessa fase, a oferta cresce mais do que a demanda. Por isso, o ritmo de aumento do aluguel diminui. Além disso, há a redução de novas construções, pois é mais vantajoso comprar imóveis prontos do que construir um novo.

Fundos de Investimentos Imobiliários (FIIs)

Os fundos imobiliários fazem referência ao conjunto de investidores, que reúne seus recursos financeiros para aplicar no mercado imobiliário. Os fundos são compostos por diversos ativos do ramo imobiliário, o que ajuda a melhorar a segurança da aplicação e também ajuda a garantir a diversificação do portfólio de investimentos.

Foto de homem de frente para um painel com prédios e gráficos que ele aponta para algumas projeções de investimentos imobiliáriosImagem: banco de imagens Canva

Em relação aos ganhos obtidos com os investimentos imobiliários, eles são divididos entre diversos participantes, na proporção em que cada indivíduo aplicou no fundo imobiliário. As decisões sobre o que fazer com os recursos são tomadas pelo gestor do fundo. No entanto, devem seguir as estratégias e objetivos já definidos no ativo. 

Sobre esse tema, vale destacar também que o cotista não exerce nenhum direito real sobre os ativos do fundo. Além disso, ele não responde pessoalmente pelas obrigações relacionadas, isso é tarefa do gestor do investimento.

Gestão imobiliária eficiente

Foto de mulher caminhando entre os corredores do escritório SOMMA InvestimentosFoto: Escritório SOMMA Investimentos

Os investimentos, quando aliados a uma gestão imobiliária bem trabalhada, podem oferecer ótima rentabilidade para sua carteira. Isso porque, as práticas de gestão estão diretamente relacionadas aos aspectos mencionados neste conteúdo.

Como é possível perceber, os investimentos imobiliários são capazes de proporcionar uma ampla variedade de oportunidades. Por esse motivo, é muito importante conhecê-los. Você pode contar com a SOMMA Multi-Family Office para cuidar de todo seu patrimônio de ponta a ponta! Estamos preparados para ajudá-lo e oferecer bons resultados, alinhados com os objetivos da sua família.

Fale com um dos nossos especialistas e saiba mais sobre o Somma Multi Family Office. Não perca essa oportunidade de proteger e multiplicar o seu patrimônio!

Banner SOMMA Multi Family Office

Assuntos relacionados